Desenvolvimento do Bebê

Acompanhando seu bebê passo a passo


Um mês

Altura: 54 cm
Peso: 4 kg

A cabeça é grande e pesada, mas aos poucos vai fortalecendo o pescoço. É capaz de erguê-la quando de bruços. Já consegue mover simetricamente os pés e as mãos. Vê somente sombras e apenas a uma distância menor de 30 centímetros.
A respiração é irregular e barulhenta. Dorme a maior parte do tempo. Nada nem ninguém o deixa mais tranqüilo do que a presença da mãe. Pode reconhecê-la pelo cheiro. De tanto chorar, vai descobrir ser esse o seu melhor recurso para conseguir atenção.
Tem dezenas de reflexos, como o que faz agarrar coisas com tanta força que seria capaz de se sustentar nas mãos.

Dois meses

Altura: 56 cm
Peso: 4,8 kg

Mantém a cabeça erguida por mais tempo e, quando deitado de bruços, é capaz de levantar o rosto. Esperto, percebe um ruído com rapidez. Sete em cada dez bebês emitem sons como "he", "hu".
Chora e sorri. Os acessos de choro acontecem por causa das cólicas e quase sempre têm hora marcada: final da tarde, começo da noite. Boa parte dos bebês sorri em resposta a outro sorriso. Escutar a conversa de um adulto também pode fazê-lo rir.
A maioria movimenta os olhos e a cabeça para acompanhar o deslocamento de um objeto. Seis em cada dez demonstram reconhecer o rosto da mãe.

Três meses

Altura: 60 cm
Peso: 5,5, kg

Reage a barulhos arregalando os olhos e parando de mamar. Ao ouvir o chocalho, pode franzir a testa. É sinal de amadurecimento da função auditiva. Também a visão está melhorando. A partir de agora, enxerga em cores.
As mãos são a grande descoberta dessa fase e ele as mantém bem abertas. A grande maioria deles segura com firmeza um objeto.
Ele aprende que, mesmo sem querer, batendo em um móbile consegue como resultado um som ou um movimento.

Quatro meses

Altura: 61 cm
Peso: 6,1 kg

O bebê pega o que quer. Não pode mais ficar sozinho sobre lugares altos. Mesmo estando de bruços, levanta as pernas e pode virar de um lado para outro. Em alguns casos, isso pode acontecer antes.
Chora quando é deixado sozinho, Para os cientistas, esse é o primeiro sinal do desenvolvimento da sociabilidade do bebê. Quando ouve a voz da mãe, vira a cabeça e os olhos procurando por ela.
Já distingue bem os sons da língua materna.


Cinco meses

Altura: 62 cm
Peso: 6,7 kg

Lambe, morde e chupa tudo o que estiver a seu alcance. Quando virado de bruços, pode rolar na cama.
Está aprimorando sua percepção do mundo. Pode discernir uma voz amável de outra brava e reage diferentemente a cada uma delas. Na mesma linha de comportamento, tende a abrir um sorriso diante de um rosto familiar, assim como a se mostrar tímido na presença de estranhos.
Começa o processo de identificação. Eles se alegram com a própria imagem no espelho.

Seis meses

Altura: 65 cm
Peso: 7,3 kg

Vira totalmente a cabeça para localizar a origem de um barulho ou procurar um objeto que caiu de suas mãos. Também já estica os braços para ganhar colo e pode segurar a mamadeira com as duas mãos, embora não se espere que consiga levá-la à boca.
O bebê percebe que tem vida própria e passa a não colaborar em atividades impostas como trocar a fralda. Deixa de mamar apenas o leite materno e come a primeira papinha.
Enxerga como um adulto, tem visão tridimensional. Pode balbuciar "mama" e "papa", mas sem associar nenhum significado a essas palavras.

Sete meses

Altura: 67 cm
Peso: 7,7 kg

Começa a entender o significado de algumas palavras, como o "não". Senta-se com certo equilíbrio e mostra determinação querendo brinquedos que estão fora de seu alcance. Tenta agarrá-los com as mãos.
Interessam-se em observar figuras em livros.
Aparecimento dos primeiros dentes, em geral os incisivos centrais inferiores. Como resultado, o bebê pode ficar com as bochechas vermelhas, gengivas inchadas, babão e às vezes irritado.

Oito meses

Altura: 68 cm
Peso: 8,2 kg

Os brinquedos são o mundo do bebê. Brinca de soltá-los no chão, esperando que a mãe ou o pai os pegue de volta. Procura o brinquedo sumido atrás dos móveis.
É provável que tente imitar os pais. Emite uma série de sons e parece prestar atenção à conversa dos adultos. Reconhece o próprio nome, olhando sempre para quem o chamou.
Está pronto para engatinhar, embora muitas vezes isso demore um pouco mais para acontecer. Mas se locomove rolando, arrastando a barriga ou o bumbum. É importante reforçar a segurança da casa com portões na cozinha e trancas nos armários de medicamentos e produtos de limpeza.

Nove meses

Altura: 70 cm
Peso: 8,6 kg

Juntando o polegar ao indicador, os dedos funcionam como uma pinça para pegar pequenos objetos. É um dado da evolução tão importante quanto a primeira palavra e o primeiro passo.
Bate palmas e dá tchau. Balbucia constantemente para ouvir a própria voz e se diverte quando imita sons, como o tossir, por exemplo.
Quando perguntado "onde está o papai?", vira a cabeça, procurando por ele. Isso revela que, a partir de agora, o bebê é capaz de guardar algumas imagens na memória. Até então, ele só conseguia se recordar da pessoa quando ela aparecia na sua frente.

Dez meses

Altura: 71 cm
Peso: 9,1 kg

Está aprendendo a se expressar e, para tal, usa o dedo indicador para apontar algo que deseja. Começa a entender conceitos como "aqui", "lá", "dentro", "fora", "para cima" e "para baixo". Para ter atendidos seus pedidos, recorre ao "da".
Sente ciúme e pode chorar se outra criança for pega no colo pela mãe. Também entende quando os pais desaprovam seu comportamento.
Engatinhando, a criança percorre grandes distâncias. Levando-se em conta que um bebê engatinha durante três meses, os mais animados podem chegar a 200 metros por dia ou 18 quilômetros no período.

Onze meses

Altura: 73 cm
Peso: 9,4 kg

O bebê prepara-se para andar. Tenta ficar de pé encostando nas paredes e anda desde que apoiado em móveis ou arrastando cadeiras. Hora de proteger as quinas e remover os objetos de decoração mais leves.
Seu senso de humor se revela nessa fase. Adora gracejos, mas reage com irritação quando contrariado. Se tiver irmãos, vai querer ficar junto deles, mas não entende o que significa dividir brinquedos.
É possível arriscar um palpite sobre a personalidade do bebê. Ele pode ser do tipo reflexivo, que observa muito antes de agir, ou impulsivo, que atua rapidamente tentando descobrir tudo.

Um ano

Altura: 75 cm
Peso: 10 kg

Deve estar andando, ou quase. No começo, anda com os braços abertos para se equilibrar melhor. Não demonstra cansaço, mas tende a dormir melhor à noite depois de um dia de tanto movimento.
A sociabilidade está aumentando. O bebê pode até dar beijinhos, mas odeia ficar sozinho. Ainda precisa da presença da mãe para se sentir seguro. Seu poder de compreensão continua sendo maior do que sua capacidade para falar.
Surgem os ataques de birra. O bebê passa a exercitar sua independência e reage com freqüência diante das limitações próprias ou impostas.


Um ano e seis meses

Altura: 80 cm
Peso: 11 kg

Anda para os lados e para trás e até ensaia uma corridinha. Puxa e arrasta o que encontra pela frente. O raciocínio está evoluindo. Para pegar um brinquedo que caiu debaixo da mesa ou da cama, se precisar, já sabe usar uma vareta ou algo parecido.
Já demonstra claramente o que quer e o que não quer. Quando sai para passear, não quer mais ficar no carrinho. Na hora das refeições, passa a recusar aquilo de que não gosta. Mas quer participar das atividades domésticas, como varrer a casa e lavar a louça.
É Capaz de Reconhecer a si próprio em uma fotografia, apontando e até dizendo seu nome.

Dois anos

Altura: 85 cm
Peso: 12 kg

É capaz de fechar um zíper, destampar potes, abrir trincos de portas e até calçar os sapatos de fecho mais simples. Deve ter dezesseis dos vinte dentes de leite. Já se começa a falar em tirar a fralda.
Pára de repetir palavras. Passa a responder às perguntas e a conversar. Ciumento, o bebê não só aprende a usar o pronome possessivo "meu" como quer que tudo seja dele. Alguns fazem isso antes.
Conhecido como o "ano terrível", o segundo ano de vida é marcado pelo negativismo. Suas respostas preferidas são: "Não vou", "Não quero", "não gosto".

Dois anos e seis meses

Altura: 93 cm
Peso: 13 kg

Está sempre em movimento. Salta com os dois pés ao mesmo tempo e anda na ponta dos pés. Já pode carregar objetos sem perder o equilíbrio e corre muito bem. Reconhece algumas cores. Adiciona à linguagem detalhes como adjetivos.
Consegue manter a atenção por períodos mais longos ao ouvir uma história, pintar ou ver um desenho animado na televisão. Em casa, diverte-se montando e desmontando, empilhando e derrubando.
Está aprendendo a conviver com outras crianças, mas ainda manifesta sentimentos de rivalidade e egoísmo.

Três anos

Altura: 96 cm
Peso:14 kg

Tem habilidade motora para tocar instrumentos musicais simples, como o tambor ou a gaita. É ágil, podendo realizar duas atividades ao mesmo tempo. Chuta bola enquanto corre, toma sorvete subindo escadas, come e fala ao telefone.
A criança fica mais independente dos pais, relacionando-se melhor com os outros. É generosa e carinhosa com os amigos, preferindo estar com eles a conversar com os adultos.
Está descobrindo as diferenças entre os sexos. É por isso que a menina repete o comportamento da mãe e o menino imita o pai.

Fonte: Site Link do bebê, encontrado em: http://www.linkdobebe.com.br/desenvolvimento/desenv.htm



Enviar

ASSINE A NEWSLETTER

Receba novidades em seu e-mail

© 1999/2015 - Baby & Company - Móveis e Decorações Infanto-Juvenil         Mapa | Quem Somos |  Contato